URC Diagnósticos por imagem doa exames de mamografia no Outubro Rosa

Parceria com a ONG Amigas das Américas proporciona 100 exames de mamografia para as mulheres assistidas pela ONG

A URC Diagnósticos por imagem firmou parceria com a ONG Américas Amigas para contribuir com os esforços de prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. No mês de outubro, realizará 100 exames de mamografia gratuitamente para as mulheres assistidas pela organização não governamental.

O mês de outubro é dedicado mundialmente à conscientização e divulgação de informação sobre o câncer de mama, campanha lançada da década de 1990 e conhecido como Outubro Rosa. A doença, segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), é o segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, (atrás apenas do câncer de pele não melanoma). Isso significa que 28% dos novos casos de câncer detectados anualmente são câncer de mama.

A doença pode responder positivamente ao tratamento, principalmente quando detectado precocemente, com taxas de cura de mais de 90%. Por isso, o Outubro Rosa se dedica a divulgar informações sobre o problema e também promover campanhas para a difusão dos exames diagnósticos, com o objetivo de identificar novos casos em estágios iniciais e proporcionar maiores chances de sucesso do tratamento.

A ONG Américas Amigas se dedica desde 2009 para a redução das taxas de mortalidade entre as mulheres brasileiras, principalmente de baixa renda, através da doação de mamógrafos, exames de mamografia, ultrassonografias e biópsias. Além de realizar treinamento e capacitação de profissionais da área e promover iniciativas de conscientização e informação sobre o câncer de mama.

Mamografia – A mamografia é um exame que utiliza radiação para revelar alterações nas mamas. Para detectar nódulos e possíveis tumores, exige uma compressão suportável das mamas, e é parte de um conjunto de ações que auxiliam a diagnosticar precocemente o câncer de mama.

O Instituto Nacional de Câncer (Inca) recomenda que o exame seja realizado pelo menos de dois em dois anos para mulheres entre 45 e 69 anos. Quando há histórico de câncer em mães ou irmãs, é recomendado um acompanhamento a partir dos 35 anos. Mas os especialistas podem indicar o exame quando acharem necessário.

Em casos de mulheres mais jovens, o tecido das mamas é denso e a mamografia não obtém resultados nítidos, pois a glândula fica opaca e nesse caso o ultrassom é mais indicado. Quando há a presença de implantes mamários, são recomendados os dois exames, pois as próteses não permitem a compressão correta das mamas, e o ultrassom ajuda na análise dos resultados.


URC Diagnósticos por Imagem
Unidade Matriz: Rua Teopompo de Vanconcelos, 245, Vila Adyanna, São José dos Campos, SP.
Unidade Hospital viValle: Avenida Lineu de Moura, 995, Urbanova, São José dos Campos, SP.

Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu