fbpx

AbbVie e Harpoon Therapeutics Anunciam Acordo de Colaboração para Pesquisa em Imuno-Oncologia

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A AbbVie, companhia biofarmacêutica global, e a Harpoon Therapeutics, companhia de biotecnologia que desenvolve novas terapias biológicas com foco na célula T, anunciam que firmaram acordo de colaboração em pesquisa em imuno-oncologia. A meta é incorporar a plataforma de criação de um ativador tri-específico de célula T (TriTAC™) com os alvos de imuno-oncologia da AbbVie, para desenvolvimento de novas terapias para câncer.

Pelos termos do acordo, a Harpon irá criar a molécula TriTAC contra determinados alvos do câncer usando sua plataforma, avaliar propriedades farmacológicas da molécula e proporcionar à AbbVie o direito de buscar novos desenvolvimentos e formas de comercialização dessas moléculas. Os termos financeiros do acordo não foram divulgados.

“Esta colaboração é a primeira da Harpoon e destaca o alto nível do interesse da indústria em tecnologias de plataformas avançadas. Estamos empolgados com a parceria com a AbbVie para ajudar a gerar novas terapias que envolvem a célula T para o tratamento de câncer, com base na combinação de receptores de célula T com TriTACs,” afirmou o Ph.D. Jerry McMahon, CEO da Harpoon Therapeutics.

“Terapias que envolvem célula T representam a próxima onda de inovação em tratamento para câncer”, afirmou o médico Tom Hudson, vice-presidente em descoberta e desenvolvimento inicial em oncologia da AbbVie. “A tecnologia da Harpoon possibilita uma abordagem inédita para engajar o sistema imunológico pelas terapias em fase de pesquisa da AbbVie”.


 

Confira a ultima edição da Newslab

Fleury e SINDHOSP promovem seminário sobre os impactos das transformações tecnológicas no setor da saúde

O Grupo Fleury e o Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo (SINDHOSP) promoveram, na última terça-feira, 16 de abril, a

Leia mais

Grafeno e Saúde: o que é e qual pode ser sua importância para o futuro da medicina?

Em vídeo divulgado pela UNESP, Alexandre Reily Rocha, pesquisador do Instituto de Física Teórica da Unesp (IFT-Unesp), protagoniza o episódio da websérie de vídeos HPC

Leia mais

Vilão da mesa: refrigerantes aumentam muito o risco de morte por doenças cardíacas, aponta estudo de Harvard

Uma pesquisa realizada pela Escola da Saúde Pública de Harvard analisou dados de mais de 37 mil homens e 80 mil mulheres ao longo de

Leia mais

Cientistas americanos usam HIV para curar crianças com imunodeficiência combinada grave

Nos Estados Unidos, cientistas afirmam ter curado 8 crianças da imunodeficiência combinada grave (SCID), popularmente conhecida como “síndrome da bolha”, a partir do uso do

Leia mais
Seções
Fechar Menu