fbpx

O pH da água pura | Newslab 143

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O pH é a medida da acidez ou alcalinidade de uma solução, e é um parâmetro de qualidade de água muito utilizado para medições em pesquisas. Este indicador afeta o estado de dissociação de muitas moléculas e é de extrema importância em grande parte dos estudos. A maioria das soluções contém sólidos dissolvidos que servem como tampão às alterações do pH, o que mantém seu valor estável, sendo pouco afetado por contaminantes. O pH da água ultrapura, porém, não é aplicável ou significante numa utilização normal laboratorial, pois seus níveis de acidez e/ou alcalinidade são extremamente baixos, o que torna sua medição um indicativo inconsistente.


Fatores que afetam a medição do pH da água pura:

Dióxido de carbono: o CO2 do meio é rapidamente absorvido pela água para formar ácido carbônico e pode reduzir o pH da amostra em 1.1 unidades

Recipiente de amostra: vestígios de ácido ou base num recipiente modificam o pH.

Temperatura: a temperatura afeta tanto a dissociação do grau da água quanto a medição de pH. As amostras de elevada pureza sem tampão são particularmente susceptíveis a esses efeitos.

Tipos de eletrodo e medidores de pH: a água de baixa condutividade pode difundir-se para o eletrólito de elevada força iônica do eletrodo de referência, causando leituras de pH instáveis e imprecisas.

Potencial de transmissão: ao contrario de soluções menos puras, as águas com elevada pureza conduzem de forma muito fraca a eletricidade, o que pode resultar em erros devido à carga estática induzida no fluxo de água de elevada pureza através do eletrodo de vidro de pH.

Tampões de calibração para eletrodos: a submersão alternada do par de eletrodos no tampão pH e depois na amostra introduzirá erros de pH devido à forca iônica mais elevada dos tampões.

Como determinar o pH da água pura de forma precisa:

A medição em linha, com sensores de pH de baixa impedância, sob condições cuidadosamente controladas, fornece o melhor meio para obter leituras precisas de pH.  Todas as normas para água com elevada purificação excluem especificamente o pH como critério de pureza. Todas se baseiam na condutividade ou resistividade. O excesso de íons de hidrogênio ou hidroxilo a valores de pH diferentes de 7.0 irão diminuir a resistividade da água. Como resultado, existirão limites para o afastamento de 7.0 que o pH pode ter.


Mais informações no e-mail: [email protected]


 

Confira a ultima edição da Newslab

Mestrado em sinalização celular na Unifesp com bolsa da FAPESP

Uma Bolsa de Mestrado da FAPESP está disponível no âmbito do projeto “Vias de sinalização de dano no DNA: mecanismos de regulação e integração com

Leia mais

Doutorado direto em metabolismo e bioenergética com bolsa da FAPESP

O Projeto Temático “Função e disfunção mitocondrial: implicações para o envelhecimento e doenças associadas”, coordenado pelo professor Aníbal Eugênio Vercesi, da Faculdade de Ciências Médicas da

Leia mais

Estudo mostra que tratamento para câncer colorretal metastático com mutação BRAF resulta em sobrevida global média de 15,3 meses

Os resultados foram anunciados pela Pierre Fabre e Array BioPharma e observados no safety lead in do estudo fase 3 BEACON com a combinação de encorafenibe, binimetinibe

Leia mais

As 7 principais dúvidas sobre a Meningite Meningocócica

A meningite meningocócica é uma doença infecciosa grave que pode matar. A doença esteve em pauta recentemente e isso fez com que houvesse um aumento

Leia mais
Seções
Fechar Menu