PoCT ou TLR. Mas automatizado, ok?

Point of Care Testing, ou Teste Laboratorial Remoto é tendência mundial em franco crescimento, movimentando maciços investimentos da indústria especializada.

Definidos como os exames realizados fora do espaço físico dos laboratórios, dispensam envio de material, proporcionam rapidez, agilizam o atendimento e possibilitam intervenções rápidas em emergências.

No Brasil estas normas encontram-se descritas na RDC/ANVISA N° 302. Ela preconiza que os TLR devem estar vinculados a um laboratório clínico, responsável pela manutenção da qualidade, instruções de trabalho e registros, para garantir a segurança do paciente. Estas informações são também subscritas pelos programas de acreditação, como por exemplo o PALC da SBPC/ML.

Muito embora a realização dos testes por si só já sejam um avanço, o Sistema SCOLA permite ir a um patamar acima, através da viabilização de integração tanto com o equipamento quanto com o Sistema de Gestão Hospitalar, se for o caso, para gerar uma requisição especial, o laudo e a assinatura eletrônica do bioquímico responsável por sua aprovação.

Questões como controle de qualidade, histórico de resultados e inclusive o faturamento destes exames, que em alguns casos requer a existência do laudo, são facilidades permitidas pelos recursos de integração e automação presentes do Sistema SCOLA.

In-te-gra-bi-li-da-de?
Sistema SCOLA, da PRODITEC Sistemas!


Contatos:

scola@proditec.com.br

www.proditec.com.br

fb.com/proditec

twitter:  @sistemascola

+55 51 3061-4820

Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu