fbpx

Lumiratek Testes Rápidos: Dengue | Newslab 144

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A dengue é uma doença infecciosa febril aguda de origem viral, transmitida através de mosquitos da espécie Aedes, com diferentes apresentações clínicas, e de prognóstico imprevisível.

Após o período de incubação, de 4 a 10 dias entre a picada do mosquito infectado e a manifestação dos sintomas, a doença começa de maneira brusca, sendo similar a uma síndrome gripal.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que quatro bilhões de pessoas estejam vivendo em áreas com risco de infecção pela doença. Anualmente, 3,2 milhões de casos são registrados no mundo, sendo que 500 mil são considerados graves, e 21 mil resultam em morte.

A LumiraDx, dispõe em seu portfólio Testes Rápidos para detecção de anticorpos e antígeno da dengue através dos cassetes Dengue Ab/Ag – DUO, Dengue IgG e IgM e Dengue NS1.

Os testes rápidos são imunoensaios cromatográficos, capaz de detectar qualitativamente anticorpos IgG e IgM e antígeno NS1 para Dengue em amostras de sangue total, soro ou plasma.

A utilização dos testes rápidos permite maior acessibilidade ao diagnóstico rápido com especificidade, através de metodologia simples e confiável, auxiliando os pacientes e profissionais da saúde quanto a necessidade de uma conduta terapêutica.


Tel : 55 11 5185-8181
[email protected]


 

Confira a ultima edição da Newslab

Estudo identifica novas funções de molécula envolvida no melanoma

Novos testes em animais e em células de melanoma em cultura mostraram que uma molécula conhecida como RMEL3, presente na maioria dos casos desse tipo

Leia mais

Mestrado em sinalização celular na Unifesp com bolsa da FAPESP

Uma Bolsa de Mestrado da FAPESP está disponível no âmbito do projeto “Vias de sinalização de dano no DNA: mecanismos de regulação e integração com

Leia mais

Doutorado direto em metabolismo e bioenergética com bolsa da FAPESP

O Projeto Temático “Função e disfunção mitocondrial: implicações para o envelhecimento e doenças associadas”, coordenado pelo professor Aníbal Eugênio Vercesi, da Faculdade de Ciências Médicas da

Leia mais

Estudo mostra que tratamento para câncer colorretal metastático com mutação BRAF resulta em sobrevida global média de 15,3 meses

Os resultados foram anunciados pela Pierre Fabre e Array BioPharma e observados no safety lead in do estudo fase 3 BEACON com a combinação de encorafenibe, binimetinibe

Leia mais
Seções
Fechar Menu