fbpx

Informe da ASBAI sobre a falta de imunoglobulina humana

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A maioria dos pacientes com imunodeficiências primárias apresentam problemas para produzir anticorpos que os protejam de infecções, e devem receber esses anticorpos por meio de infusões mensais de imunoglobulina humana. Esse medicamento é fornecido pelo SUS.

Entretanto, há aproximadamente três meses, em alguns estados brasileiros (SP, RJ, MG, PE e RS), nossos pacientes não têm recebido normalmente a medicação e nem informações sobre os motivos para essa falta. Apenas em algumas unidades foram informados de que o fornecimento será normalizado em 8/1/2018, enquanto em outras, não se tem previsão de normalização.

A Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI) lamenta profundamente essa situação, chamando a atenção para os enormes riscos para a saúde e para a vida que a falta desse medicamento representa para nossos pacientes imunodeficientes.

Sobre a ASBAI

A Associação Brasileira de Alergia e Imunologia existe desde 1972. É uma associação sem finalidade lucrativa, de caráter científico, cuja missão é promover a educação médica continuada e a difusão de conhecimentos na área de Alergia e Imunologia, fortalecer o exercício profissional com excelência da especialidade de Alergia e Imunologia nas esferas pública e privada e divulgar para a sociedade a importância da prevenção e tratamento de doenças alérgicas e imunodeficiências. Atualmente, a ASBAI tem representações regionais em 21 estados brasileiros.


 

Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu