Doutor em Economia por Harvard (EUA) marca presença em evento médico

São Paulo estará no centro do debate sobre perspectivas econômicas para o Brasil

A crise política e econômica brasileira resultou em quase três anos consecutivos de recessão, responsável por categoriza-la como a mais grave da história nacional. Recentemente, o Banco Central divulgou a prévia do Produto Interno Bruto (PIB) de 2017, estimando o crescimento de 1,4% em comparação ao ano anterior e evidenciando a lenta saída do Brasil da crise. A partir de agora, quais são os maiores desafios do País? Essa é uma das questões que serão respondidas durante a 48ª Jornada Paulista de Radiologia, que acontece em São Paulo/SP, de 3 a 6 de maio.

Roberto Macedo, ex-secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, articulista do jornal O Estado de S. Paulo e coordenador do Conselho de Economia da Associação Comercial de São Paulo, ministrará palestra sobre as “Perspectivas Econômicas para o Brasil”, na qual apresentará, entre outros, dados da variação do PIB desde 1900. A partir deles, analisará a profundidade e duração da queda, bem como as dificuldades de solução, e possíveis caminhos para sair da crise. Também apresentará notícias positivas, no caso de alguns setores e regiões que continuam crescendo mais que o País

Macedo é economista pela USP e tem mestrado e doutorado em Economia pela Universidade Harvard (EUA). Na USP concluiu o curso em primeiro lugar, e tornou-se professor da Faculdade de Economia, da qual também foi diretor.

O impacto dos problemas econômicos afetou especialmente a saúde: aproximadamente 1,3 milhão de pessoas deixaram os planos de saúde, fenômeno que intensificou a superlotação do SUS e a dificuldade em atender todas as demandas.

De acordo com o especialista, a crise pela qual o País passa é a pior das últimas décadas, cuja maior dificuldade está na política. “A principal causa é política: um desastre orçamentário ou fiscal por parte do governo. Contudo, reside também nela o maior obstáculo para superá-la, já que envolve medidas impopulares, assunto que grande parte dos políticos, em particular durante o ano eleitoral, quer distância”, analisa.

Nesta linha, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) lançou no início de março o Mapa Estratégico da Indústria, documento usado como base do discurso político-econômico estruturado para o debate eleitoral, além de guiar a agenda dos próximos governantes. Ao todo, são listados 11 fatores-chave para o avanço no desenvolvimento econômico que, se cumpridas, poderão proporcionar o crescimento anual do PIB de 4%, a partir de 2023.

A expectativa, com as diretrizes do documento, é retomar a confiança na economia nacional, abalada pela difusão de notícias negativas a respeito deste setor: Macedo levará ao evento dados que destacam seu impacto. “Uma corrente de más notícias reduziu a confiança de empresários e consumidores, o que passou a inibir suas decisões de investir na produção e de consumir, reduzindo a demanda de bens e serviços e prejudicando o PIB”, adianta.

Roberto Macedo adianta que, na JPR, abordará os problemas do País, expondo suas causas e “remédios”, em analogia à área da saúde. “O que ocorre hoje no Brasil é que estamos diante de um governo muito doente em suas contas e eficácia administrativa, mas sua família, liderada por políticos, não quer saber dos remédios prescritos por economistas e outros especialistas”.

Sua palestra acontecerá no dia 5 de maio, no módulo de Profissionalismo, Liderança e Gestão em Saúde, no Transamerica Expo Center.


Maior evento de Radiologia da América Latina

A Jornada Paulista de Radiologia é o maior evento da especialidade na América Latina. Organizada pela Sociedade Paulista de Radiologia (SPR), acontece em São Paulo, de 3 a 6 de maio. Sua 48ª edição é promovida em parceria com a Sociedade Radiológica da América do Norte (RSNA), sob o mote “Transformando a Educação na Radiologia”.


48ª Jornada Paulista de Radiologia

Data: 3 a 6 de maio de 2018

Local: Transamerica Expo Center

Endereço: Av. Dr. Mário Vilas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro, São Paulo/SP

Mais informações: www.jpr2018.org.br


Sociedade Paulista de Radiologia

A Sociedade Paulista de Radiologia e Diagnóstico por Imagem foi fundada em 3 de março de 1968, na cidade de Jaú, interior de São Paulo. Atualmente, a instituição congrega mais de seis mil associados. Integrada ao Departamento de Diagnóstico por Imagem da Associação Paulista de Medicina (APM) e filiada ao Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR), a SPR, representada pelos seus presidentes, tem se dedicado ao longo desses anos especialmente à defesa dos radiologistas, ao desenvolvimento científico e a dinamização da especialidade.


 

Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu