fbpx

Clínicas e laboratórios veterinários já podem contar com linha de reagentes exclusivos e 100% nacional | Newslab 146

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A Bio Brasil, especialista em equipamentos de diagnóstico com mais de 20 anos de experiência, está lançando o Zootest, primeiro reagente feito no Brasil exclusivo para uso veterinário.

Ampliando a tradição da empresa em equipamentos, insumos e inovações voltados à evolução do mercado vet, a nova linha de reagentes apresenta vantagens práticas, como custos cerca de 30% menores e maior disponibilidade em comparação com os produtos importados, além de resultados mais precisos e confiáveis que os obtidos com o uso de reagentes humanos.

A linha Zootest é composta por diluente, rinse e lyse, e foi desenvolvida em parceria com a Diagno para uso específico em analisadores hematológicos que trabalham com bioimpedância, também conhecidos como contadores hematológicos 3 partes.

A linha Zootest garante melhor desempenho do equipamento e uma economia de quase um real por exame em comparação com outros reagentes, aumentando a margem de lucro da clínica.

Com um ano de pesquisa e testes antes do lançamento, até o tamanho dos frascos foi aperfeiçoado para melhor aproveitamento, de forma que os três reagentes do kit terminem juntos, facilitando o controle do veterinário.


Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail [email protected].


 

Confira a ultima edição da Newslab

Estudo revela capacidade de identificar mal de Parkinson até 20 anos antes e pode levar à imenso progresso

Reprodução de BBC  Exames realizados em um pequeno número de pacientes considerados de alto risco mostraram disfunções no sistema de serotonina do cérebro, que controla

Leia mais

[Artigo Científico] Leucemia Linfoide Aguda: aspectos gerais e métodos diagnósticos

LEUCEMIA LINFÓIDE AGUDA: ASPECTOS GERAIS E MÉTODOS DIAGNÓSTICOS (REVISÃO) July Mayene Rebouças¹ , Luciana Nogueira Rebouças¹, Francisco Edson Ferreira Paz¹, Willer Malta De Sousa². 1Bacharéis

Leia mais

Vírus geneticamente modificado por grupo de pesquisadores combate o câncer de próstata

Conteúdo reproduzido: Peter Moon  |  Agência FAPESP Pesquisadores do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) conseguiram manipular geneticamente um tipo de vírus

Leia mais
Seções
Fechar Menu