fbpx

Biomm realiza estudo para garantir produção de insulina no Brasil

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Objetivo da companhia é promover transferência de tecnologia para o país; empresa investe em fábrica própria em Minas Gerais

A Biomm, pioneira em biotecnologia e na produção de insulina no país, iniciou este mês o mais amplo teste clínico de fase 1 para insulina humana realizado no Brasil, com 56 voluntários. Além de promover a transferência de tecnologia para o país, o estudo pode garantir a autossuficiência nacional na produção do medicamento, beneficiando mais de 14 milhões de brasileiros que possuem o diabetes. O estudo é realizado em parceria com a Universidade Vanderbilt (Tennessee) e o Instituto de Ciências Farmacêuticas (ICF).

Para viabilizar a produção de insulina, a Biomm já investiu R$ 185 milhões na fábrica de Nova Lima (MG), cuja primeira fase de instalação está concluída. Quando estiver em operação, a fábrica terá capacidade para suprir toda a demanda de insulina do Brasil, hoje dependente de importação.

O estudo tem duas frentes: farmacocinética e farmacodinâmica. A metodologia “clamp”, pela primeira vez utilizada em testes de grande escala no Brasil, permite um estudo extremamente preciso, que consegue determinar exatamente o momento do início e do término do efeito da insulina no organismo.

Cenário do Diabetes

No mundo, uma a cada 11 pessoas tem a doença, sendo que a cada três segundos, um caso é descoberto. De acordo com a International Diabetes Federation (IDF), só no Brasil são mais de 14 milhões, ou seja, por volta de 9,4% da população total. Todo dia, são 500 novas pessoas diagnosticadas.

Os números preocupam, uma vez que 40 milhões de brasileiros estão pré-diabéticos e 25% devem desenvolvê-lo, nos próximos cinco anos, como aponta a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD).

Confira a ultima edição da Newslab

Estudos sugerem que retinopatia diabética expõe diabéticos à maior risco de queda

Pessoas com diabetes e danos oculares relacionados, conhecidos como retinopatia diabética, são mais propensas a cair do que os diabéticos que não desenvolvem problemas de

Leia mais

Novo método mais seguro de esterilização de cateteres é desenvolvido na Univap, em São José dos Campos

Conteúdo: FAPESP A esterilização de instrumentos cirúrgicos metálicos é feita normalmente em aparelhos conhecidos como autoclaves, com temperaturas igual ou acima de 121 ºC, capazes

Leia mais

Johnson & Johnson fará parceria para desenvolver vacina preventiva do HIV, pesquisada pela Janssen

National Institutes of Health (NIH), HIV Vaccine Trials Network (HVTN) e U.S. Army Medical Research & Development Command (USAMRDC) unem forças com a Johnson &

Leia mais

QIAGEN anuncia seu novo Vice-Presidente na América Latina

Paulo Gropp se une à QIAGEN como Vice-Presidente, chefe de operações comerciais LATAM.  A QIAGEN, líder mundial em soluções para testes moleculares, anunciou em junho deste ano que Paulo Gropp é o novo vice-presidente da

Leia mais
Seções
Fechar Menu