A Nihon Kohden chega ao Brasil com a sua linha de equipamentos para hematologia “Made in Japan”

Fundada no Japão em 1951, sob a visão de “Combater doenças com eletrônica,” a Nihon Kohden se tornou um dos principais fabricantes de equipamentos eletromédicos no mundo.

mek7300_left_open_e
Os produtos Nihon Kohden são fabricados com tecnologia de mais de 60 anos de melhoria contínua, inovação, alta qualidade e facilidade de uso. Em 1972 a empresa lançou no Japão o seu Contador Automático de Células Sanguíneas, modelo MEK-1100. Originalmente o equipamento foi desenhado somente para a contagem de células brancas e vermelhas, porém mais tarde ele foi modificado para analisar também hemoglobina, valor de hematócrito além de diversos parâmetros adicionais. Ao longo dos anos, uma série de modelos com tecnologias mais sofisticadas e abrangentes completou a linha de analisadores hematológicos da empresa.  Seguindo a tendência de forte expansão no mercado mundial, a Nihon Kohden inaugurou a sua filial brasileira em 2012. Desde então a Nihon Kohden Brasil vem desenvolvendo o mercado nacional de Monitores multiparamétricos de paciente, eletroencefalógrafo, eletrocardiógrafo e desfibriladores.

Em 2016, a Nihon Kohden iniciou no Brasil sua operação de Diagnóstico In Vitro (IVD), com a mek6550_anglecomercialização dos equipamentos “Made in Japan” CELLTAC Es e CELLTAC α. O CELLTAC Es é o Analisador Hematológico Automatizado com 25 parâmetros e WBC com diferencial de 5 partes. Já o CELLTAC α é um Analisador Hematológico Automatizado com 19 parâmetros e WBC com diferencial de 3 partes. Existem diferentes modelos para humanos e também um modelo veterinário. A Nihon Kohden Brasil também comercializa uma linha completa de reagentes hematológicos, controles e calibradores e já conta com uma ampla rede de distribuidores com atuação em todo o Brasil.


Contato:

Endereço: Rua Diadema, 89, 1º andar, CJ 11 a 17, Mauá – São Caetano do Sul / SP – CEP 09580-670

Tel. (11) 3044 1700 /  (11) 3044 0463

E-mail: [email protected]


 

Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu