fbpx

Pardini lança testes para detectar duas ‘novas’ doenças transmitidas por mosquitos

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O Grupo Pardini validou dois novos testes para detectar os vírus Oropouche e Mayaro. Com o acréscimo desses testes, a Companhia tem capacidade para identificar sete arboviroses. As outras são: Dengue, Febre Amarela, vírus do Oeste do Nilo, Zika Vírus e Chikungunya.

Essas arboviroses são transmitidas por mosquitos comuns no Brasil. Enquanto o Oropouche tem como vetor Culicoides paraensis – conhecido como maruim ou borrachudo –, o Mayaro pode ser transmitido pelos mosquitos Aedes albopictus e Aedes aegypti (o mesmo que propaga Dengue, Febre Amarela, Zika Vírus e Chikungunya).

De acordo com a Coordenadora do Setor de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Pardini, Danielle Zauli, não há surto de nenhuma das duas doenças. No entanto, como há a preocupação de especialistas de que tanto o vírus do Oropouche como também da Febre Mayaro possam atingir áreas populosas, é fundamental que o laboratório esteja pronto para dar uma rápida resposta, caso seja acionado.

“Pode ser que o surto não venha. Mas, se vier, estamos prontos. Se a validação do teste só fosse feita após o surgimento da epidemia, perderíamos muito tempo até desenvolvê-lo. Por isso é muito importante já o termos validado”, enfatiza Danielle Zauli.

Casos dessas duas arboviroses já foram identificados na América Central, na Floresta Amazônica e no Nordeste do Brasil. Pesquisadores alertam para um possível alastramento para as áreas mais populosas do país

VESPASIANO/MG – 18.05.2015 – Hermes Pardini- Na foto o Nucleo Tecnico Operacional – NTO . Foto: Leo Lara/Arvore de Comunicacao

Contato:

www.hermespardini.com.br

 

Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu