fbpx

Anemia autoimune hemolítica primária: aspectos gerais

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Resumo

A anemia hemolítica autoimune primária, caracterizada por apresentar auto-anticorpos que se ligam aos eritrócitos, pode se apresentar de duas formas: a quente e a frio. Sua origem é idiopática, porém hipóteses apontam para desequilíbrio de células T. A clínica do paciente contribui para o diagnóstico, sendo indispensável a confirmação laboratorial hematológica e sorológica. O tratamento consiste em diminuir ou cessar a produção de anticorpos bem como a hemólise. Apesar do aumento da prevalência, o prognóstico é bom, com ótimas respostas para remissão do quadro hemolítico.

Palavras-chave: Anemia hemolítica autoimune, AIHA, Anemia hemolítica autoimune primária, Teste de Coombs; 


Abstract

Primary autoimmune hemolytic anemia, characterized by autoantibodies that bind to erythrocytes, may present in two forms: hot and cold. Its origin is idiopathic, but hypotheses point to imbalance of T cells. The patient’s clinic contributes to the diagnosis, being essential hematological and serological laboratory confirmation. Treatment consists of decreasing or ceasing antibody production as well as hemolysis. Despite the increased prevalence, the prognosis is good, with excellent responses for hemolytic remission.

Keywords: Autoimmune hemolytic anemia, AIHA, Primary autoimmune hemolytic anemia, Coombs test;


Autoras: Gabriela Schiling Alves, Andressa Bernardi e Débora Graziela Farias


Confira a ultima edição da Newslab

Seções
Fechar Menu